VOCÊ SABE POR QUE A MAIORIA DOS AVIÕES É PINTADA DE BRANCO?

289

Você já reparou que a maioria dos aviões é pintada de branco? É claro que existem aeronaves de outras cores, mas, a verdade é que se você der uma passeada por um aeroporto qualquer vai constatar que a cor que predomina é a branca mesmo. E você sabe o motivo disso? Pois não se trata de uma padronização da aeronáutica — nem de uma “Mega” promoção na loja de tintas!

Não é oferta! Quem averiguou a razão — ou razões! — de a maioria das aeronaves ser branca foi Adrielle Berger, do site Business Insider, que conversou com R. John Hansman, professor de Aeronáutica e Astronáutica do MIT (Massachusetts Institute of Technology).

Segundo Hansman, o principal motivo de o branco ser o tom prioritário é o fato de essa cor refletir melhor a luz do sol e a radiação enquanto os aviões se encontram em voo. Na realidade, o mesmo princípio se aplica a todas as cores clarinhas, e seu emprego ajuda a manter a temperatura da cabine mais fresca.

Conforme explicou o professor, a aplicação de tons claros sobre a fuselagem funciona mais ou menos como aplicar protetor solar sobre a pele. Ademais, lembre-se do que acontece em dias quentes e de muito sol e decidimos usar roupas pretas ou de cores escuras: as peças absorvem o calor muito mais rapidamente e a gente quase morre assado!

Pois com os aviões acontece a mesma coisa e a aplicação das cores mais claras se traduz em menos riscos de superaquecimento de dispositivos e instrumentos e redução nos custos para refrigerar as aeronaves. De acordo com Hansman, as partes que mais precisam ser protegidas do calor e da radiação são aquelas feitas de materiais como fibra de carbono, fibra de vidro, plástico e outras mesclas.

Uma dessas partes costuma ser o “nariz” do avião que, geralmente, é onde é posicionado o radar da aeronave — e, portanto, essa região precisa ser feita de um material que permita que o equipamento faça seu trabalho. Além disso, nos aviões mais modernos, as superfícies de controle são compostas por materiais que consistem em misturas de plásticos e fibras, e é por isso que essas áreas geralmente são pintadas de branco ou cinza clarinho, por exemplo.

Colorindo o céu

Além da questão relacionada com a proteção contra a radiação e redução de custos para evitar que as aeronaves superaqueçam durante o voo, existe mais um motivo de muitas companhias optarem por pintar suas frotas com cores claras. A exposição à luz solar provoca a oxidação da tinta e, com o tempo, ela começa a desbotar — o que significa que, para manter as cores sempre vivas, as empresas aéreas têm que ficar “retocando” seus aviões. E você tem ideia de quantos litros de tinta são necessários para pintar um avião inteiro? Muitos!

Hansman contou que, no passado, várias companhias simplesmente preferiam não pintar as aeronaves e pronto — deixando a superfície metálica da fuselagem à mostra e pronto. Só que, com o tempo, os aviões começavam a ficar com aparência embaçada, e as empresas gastavam uma grana para ficar mandando polir as frotas. Sendo assim, a melhor alternativa (e o melhor custo-benefício) é pintar as aeronaves de branco ou cores claras.

Fonte: MegaCurioso