Fazendo 100 km com 1,5 litro de combustível Golf GTE pode conquistar o Brasil

1087

2015-Volkswagen-Golf-GTE-01A Volkswagen revelou recentemente que o Golf GTE está sendo testado no Brasil. Apresentada no Salão do Automóvel de São Paulo em 2014, a versão esportiva híbrida do médio tem dois motores: um a combustão de 1,4 litro e 150 cv e um elétrico de 102cv. Juntos, rendem potência combinada de 204 cv. A transmissão é automatizada de dupla embreagem DSG com seis velocidades.

Se usado em modo totalmente elétrico, o Golf GTE pode percorrer até 50 km e atingir a velocidade máxima de 130 km/h. Em modo híbrido, a autonomia total é de 940 km, sendo que ele pode rodar 100 km com 1,5 litro de combustível. Se utilizada toda a potência disponível, o GTE acelera de 0 a 100 km/h em 7,6 segundos e chega a 222 km/h.

ttt

Para quem roda principalmente em trechos curtos, é possível usar apenas o modo elétrico. Em uma tomada convencional, a bateria carrega completamente em cerca de 3h30 – em uma estação de recarga, esse tempo cai para 2h30.

Bem equipado, o Golf GTE traz itens como airbags, controles de tração e estabilidade, faróis duplos e lanternas de LED – o desenho das as luzes de posição diurnas forma uma letra C, o que diferencia a versão da GTI. Aliás, todos os detalhes vermelhos no GTI são azuis no GTE, tanto no visual externo como na cabine – que conta com exclusivos indicadores gráficos de consumo e energia na central multimídia.

Golf GTE (24)

Trata-se da quinta opção de motorização do Golf no mundo: há também versões a gasolina, diesel, gás natural e uma totalmente elétrica. A marca alemã trabalha agora em uma sexta opção, movida a hidrogênio, por meio de pilha de combustível.

A marca ainda não confirma se a versão GTE será de fato comercializada no Brasil, e nem por que preço. No mercado brasileiro, os preços do médio vão de R$ 75.080 (versão 1.4 Comfortline básica) a R$ 111.680 (GTI 2.0). Na Alemanha, o Golf GTE parte de € 36.900 (cerca de R$ 158 mil).

Golf_GTE_03_670x500 VW-Golf-GTE-5-620x413