‘Encontro’ mostra como a Ágatha de ‘Avenida Brasil’ está hoje em dia

74

A novela Avenida Brasil foi a que fez mais sucesso de todas as novelas brasileiras. Ela foi tão importante que foi uma das únicas que faturou mais de 2 bilhões de reais. Além de ter sido exportada para mais de 130 países. Incluindo a Suécia, que nunca havia comprado uma novela global antes.

Em suma, a novela foi exibida entre 26 de março de 2012 à 19 de outubro de 2012, em horário nobre, 21h. E teve um total de 179 capítulos. A trama principal era história de uma menina, Rita, que foi criada por seu pai, Genésio. O pai se casa com Carminha, que maltrata a menina, fazendo com que esta passe anos, pensando em como se vingar.

Carminha trama contra seu marido, mas ele descobre. Eles têm uma discussão séria e Genésio, já ferido, é atropelado na Avenida Brasil, de onde vem o nome da novela. A madrasta fica com a herança do falecido e se livra de Rita, levando-a para um lixão. É aí que começa a saga da menina, entre 1999 e 2012, ano em que se passa a novela. Então, ela é movida por vingança.

A novela teve várias personagens icônicas, que são lembradas até hoje. Uma delas era Ágatha, a filha rejeitada de Carminha, na novela. A atriz Ana Karolina Lannes, que interpretava Ágatha, completou 18 anos em 2018, e se mostrou uma jovem com bastante personalidade.

Fotos

Ela posou, pela primeira vez, de biquíni em suas redes sociais, para tratar de um assunto bastante importante nos dias de hoje: autoestima.

“Segunda foto que eu tiro na praia na vida, sempre tive um pé atrás com a minha barriga, hoje em dia, eu tenho uma pessoa que me ajuda a amar meu corpinho sempre mais, eu mesma. Esse corpo aí tá saudável, tá tudo numa boa e ele tá tão feliz, o que tem de errado nas dobrinhas ali debaixo, hein (risos)?”, colou de legenda na foto.

Ana Karolina postou outra foto de biquíni e aproveitou para deixar outra mensagem para os seus seguidores. “Para quem não postava foto de biquíni, foto sentada então, nunca pensei. Nessas férias, eu resolvi ser mais amorosa comigo mesmo, entender os meus conflitos, as minhas crises e aprender a aceitar o meu jeitinho louco interno e externo. Para se amar por fora, primeiro precisamos nos amar, respeitar e entender por dentro, autoestima se projeta de dentro pra fora, sintam-se confiantes e encarem o mundo de cabeça erguida”.

Vida

Atualmente, ela usa o nome de Karol Lannes e trabalha como DJ, em boates gays. Ela também mudou o seu visual e tem um cabelo colorido, mudando sempre as cores. Em uma entrevista, ao jornal EXTRA, ela contou que está morando em uma república no Mato Grosso do Sul. E está fazendo faculdade de Artes Cênicas. Além de ter saído do armário, após declarar abertamente que é lésbica.

“Nunca escondi, mas também nunca falei com todas as letras. Até por conta dos meus pais, porque eu sei da exposição que isso causaria para eles. Mas eu acho que agora cada um está tendo a sua vida. Eu sou lésbica, e não é porque eu fui criada por pais gays (que são homossexuais). Esse julgamento é o meu maior medo”, contou a atriz.