Coisas que tornam você um ímã de mosquitos

133

As opiniões são unânimes, ninguém gosta de ser picado por mosquitos. Além de ser um incômodo, um inconveniente que gera coceiras, esses insetos também são responsáveis por transmitir diversas doenças através da sua picada. Algumas dessas doenças são mortais, como o vírus da Zika, malária, febre amarela, dengue, Chikungunya, vírus do Nilo Ocidental e muitas outras.

Se você é uma daquelas pessoas que parecem que atraem esses mosquitos, a ciência já tem algumas evidências do motivo de você ser o alvo preferido deles. Pesquisas científicas encontraram evidências que mostraram que os mosquitos escolhem suas vítimas baseados em uma combinação de vários fatores.

A boa notícia é que alguns desses fatores, que as tornam tão atraentes aos mosquitos, podem ser mudados. Em contrapartida, outros não. Vários tipos de mosquitos foram estudados, então era de se esperar que os fatores atrativos variariam dependendo da espécie e da localização. Embora esses estudos ainda sejam relativamente pequenos, já dá para ser ter uma ideia do que irá atrair esses insetos indesejáveis.

As razões que o tornam um alvo apetitoso são variadas, mas vão desde a alimentação, até o seu tipo sanguíneo. O uso de repelentes pode até ajudar a evitar algumas picadas. Mas alguns fatores não podem ser evitados, como ser adulto por exemplo. Em comparação a uma criança, os adultos são um alvo mais propício aos mosquitos.

Em todo caso é bom tentar reduzir o fascínio desses insetos o máximo possível. Então confira alguns fatores que podem aumentar as suas chances de ser picado por mosquitos.

1 – Idade adulta

Os mosquitos são atraídos por dióxido de carbono que liberamos constantemente durante a respiração. Essa seria uma explicação para o fato de que esses insetos voam perto de nossas orelhas, nariz e boca. Como os adultos, pessoas obesas e mulheres grávidas emitem mais dióxido de carbono, e assim, eles se tornam mais atraentes para os mosquitos do que crianças. No caso das mulheres grávidas, isso pode representar um risco grave, já que a Zika pode resultar em graves problemas à saúde do bebê.

2 – Tipo sanguíneo

Foi constatado nessas pesquisas que o tipo sanguíneo também é um fator importante. Pessoas que tem sangue tipo O, tanto positivo quanto negativo são mais visados pelos mosquitos do que portadores do tipo sanguíneo A, B e AB. O que menos chama a atenção desses insetos é o tipo A.

3 – Suor

Ao fazer exercícios, o seu corpo produz ácido lático que se mistura ao oxigênio para gerar energia para os músculos. Esse ácido é liberado em forma de suor, algo que atrai os mosquitos que podem te picar. O lado bom é que tomar banho reduz consideravelmente o atrativo estimulado por esse composto químico.

4 – Genes

Ainda não se sabe ao certo o porquê, mas o fato é que algumas pessoas liberam compostos naturais que espantam os mosquitos. Enquanto outras emitem compostos que os atraem. Para os pesquisadores da Escola de Higiene e Medicina Tropical de Londres, isso pode estar relacionado aos genes de cada pessoa. Alguns experimentos foram feitos para tentar identificar o que estava por trás disso. Em um deles, duas gêmeas idênticas não mostraram maior ou menor nível de atração de mosquitos. Já quando o mesmo teste foi feito em gêmeas não idênticas, uma delas chamou mais a atenção dos insetos do que a outra.

5 – Álcool

Em um estudo feito com 12 homens, com idades entre 20 e 58 anos, e com uma mulher de 24 anos, se mostrou que o álcool pode ser um atrativo para os insetos. No experimento, as pessoas que tomaram uma lata de cerveja, com concentração de 5,5% de álcool, atraíram mais mosquitos do que os que não beberam nenhuma bebida alcoólica.

6 – Temperatura corporal

Além do suor rico em ácido lático, a temperatura corporal também se mostrou bastante atrativa aos mosquitos. Pelo visto, esses insetos preferem temperaturas corporais mais altas.

7 – Perfume

Não seria uma surpresa que o cheiro também fosse um fator influenciador para mosquitos. E de fato, perfumes florais e adocicados chamam mais a atenção desses insetos.

E você, é muito picado por mosquitos? Acha que seja por alguns desses fatores? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.