Albert Einstein quase foi presidente de Israel

42

Albert Einstein foi um dos mais famosos e influentes cientistas da humanidade, nascido em 14 de março de 1879 em Ulm (Alemanha) é conhecido por elaborar a Teoria da Relatividade, considerado um dos pilares para a física moderna. Em 1952, já considerado um gênio pela comunidade científica, Einstein recebeu um convite incomum: ser presidente de Israel.

Albert Einstein durante uma palestra em Viena em 1921 (Ferdinand Schmutzer, Public domain, via Wikimedia Commons)

Depois da morte do primeiro presidente de Israel, Chaim Wiezmann, a câmara legislativa do país optou por oferecer a ocupação a Einstein, entretanto, ele recusou o convite em seguida. De acordo com a justificativa, Albert dialogou que trabalhou continuamente com números, não com questões humanas.

“Durante toda a minha vida eu lidei com questões objetivas, daí que falte tanto a aptidão natural como a experiência para lidar adequadamente com as pessoas e exercer funções oficiais”

Além disso, o cientista anunciou que a sua idade avançada, no período com 73 anos, o tornaria incapaz de assumir um cargo como a presidência de um país.

Ver também

+ O que algumas das pessoas mais inteligentes do mundo comiam no café da manhã?

+ 33 sites incríveis que farão de você, certamente, uma pessoa mais sábia

+ Conheça 5 estranhas alternativas para explicar buracos negros

+ Quer saber como o nosso universo vai morrer? Se liga nesta teoria!

+ 20 mil cientistas assinaram um mesmo documento alertando sobre o futuro da Terra

Fontes: All That’s Interesting, Medium, Terra e Vix