7 truques mágicos que falharam ao vivo na televisão

62

A maioria das pessoas gosta de truques mágicos. Ver os profissionais arriscarem a própria vida e a sensação do perigo que acompanha os shows de mágica é o que faz com que as pessoas os assistam. É estranho pensar assim, mas sempre que existe o risco de alguma coisa dar errado, inclusive essa possibilidade é mais provável que prenda a atenção das pessoas.

E vemos na história que esses truques de mágica realmente podem dar errado às vezes. Existem histórias de pessoas do século XIX morrendo no palco fazendo truques de mágica e com o passar dos anos, esses erros começaram a ser capturados em câmeras. Aqui listamos alguns desses truques de mágica que não funcionaram.

1 – Quase explodir a cabeça

O ilusionista David Blaine é a prova que mesmo os mágicos mais experientes podem cometer erros. Uma vez, Blaine foi tentar prender uma corda no gatilho de uma arma e quando ele puxou a corda, a arma disparou. A ideia era que uma arma disparasse e a bala passasse em um copo de aço que estava preso entre os dentes.

Mas as coisas não saíram tão bem quanto esperado. Depois que a arma disparou, a força da bala causou uma laceração na garganta de Blaine. O ilusionista disse que sentiu o impacto na garganta e na hora, pensou que estava morto. Felizmente, seus ferimentos não foram fatais.

2 – Volta de carro

Um truque de mágica feito pelo auto intitulado Grande Moodini com um carro, algemas e uma fuga ousada, quase o mataram. Com algemas em seus pulsos e acorrentado em uma traseira de um carro, ele teria três segundos para se livrar das algemas, antes que o carro disparasse na pista de corrida.

A verdade foi que Mooney não conseguiu tirar as algemas e quando o carro acelerou, o homem foi jogado para o ar e de volta para a estrada em um piscar de olhos. Mooney quebrou vários ossos, foi hospitalizado e conseguiu se recuperar sem danos permanentes.

3 – Caixa em chamas

A dublê mexicana Anadela, depois de ter sido amarrada em correntes e selada em uma caixa equipada com explosivos, tinha apenas 60 segundos para escapar de toda a montagem da cena. Ou ela achou que tinha. O programador dos explosivos foi acidentalmente programado para 45 segundos e deu a dublê menos tempo para escapar.

Quando ela colocou a cabeça para fora da caixa, já marcava 42 segundos, e ela acreditava que tinha 18 segundos para escapar. Mas, na realidade, a caixa explodiu e a colocou em chamas. Ajudantes foram logo ajudá-la, mas o dano já estava feito. Anadela precisou de 60 enxertos de pele e cinco cirurgias para curar as feridas e ficou internada por um mês.

4 – Embaixo d´água

Por mais que você seja a pessoa que acha que pode escapar de qualquer lugar, se trancar em um caixão subaquático não é das melhores ideias. E em 1983, Dean Gunnarson fez isso para fazer seu truque de fuga na frente de várias pessoas. Ele foi embrulhado com correntes e colocado em um caixão de madeira debaixo da água. E depois de quatro minutos preso não tinha nenhum sinal dele.

Equipes de emergência foram ao resgaste e encontraram Gunnarson frio, azul e sem vida dentro dele. Eles o levaram para uma ambulância e tentaram ressuscitá-lo e, com o tempo, ele conseguiu recuperar consciência. E por causa das ações rápidas dos profissionais de emergência, ele não morreu.

5 – Beber ácido

Na final do programa de talentos Got Talent do Vietnã, o mágico Tran Tan Phat fez um truque com cinco copos iguais, com quatro tendo água e um com ácido. O truque era para adivinhar quais copos eram seguros para se beber. Ele bebeu o primeiro com água sem nenhum problema, mas o segundo foi quase fatal.

É possível ver Tan Phat tomando o gole antes de ver que é ácido e logo cuspindo sobre a mesa. E o público e os jurados viram que alguma coisa estava errada, mas quando perceberam que ele estava bem, o aplaudiram. Depois, o mágico foi levado para um hospital próximo.

6 – Fogo no rosto

O fogo sempre é um elemento presente em truques, e o mágico Scott Wolf sofreu várias queimaduras de segundo e terceiro grau enquanto fazia uma atração com fogo. Ele pegou um tanto de querosene, duas tochas de fogo e afastava as chamas do rosto. Mas, ao invés disso, ele tomou o gole de querosene, segurou as tochas e colocou fogo em seu próprio rosto.

O porquê deu errado não se sabe e é possível ver Wolf correndo ao redor do palco enquanto sua cabeça estava em chamas. As pessoas da plateia gritavam. E com certeza, Wolf se lembrará dessa experiência pelo resto da vida.

7 – Mágica errada

No programa Question For Breakfast, a apresentadora polonesa Marzena Rogalska concordou em participar de um truque de mágica onde ela tinha que bater a mão em um saco de papel marrom. Eram três sacos, dois vazios e um com um prego.

O que estava supostamente vazio, na realidade, não estava e a apresentadora parou com o prego em sua mão. Os gritos da apresentadora são reais e a reação do mágico é um pouco indiferente. Felizmente, os ferimentos da apresentadora não foram graves.

COMPARTILHAR