VILA ITALIANA VENDE CASAS A 1 EURO PARA NÃO SE TORNAR UMA CIDADE-FANTASMA

140

Uma antiga vila italiana está correndo o risco de se transformar em cidade-fantasma. Para evitar que isso ocorra, a pequena Ollalai, localizada na ilha de Sardenha, lançou uma isca na internet: está vendendo casas que custam apenas 1 euro (aproximadamente 4 reais).

O objetivo, é claro, é atrair moradores. Apenas nos últimos 50 anos, a cidade perdeu mais da metade dos seus habitantes, que já eram poucos, declinando de 2.250 para apenas 1,3 mil. Para piorar, centenas estão abandonando suas casas atualmente.

 

Reformas obrigatórias

O governo está vendendo 200 casas nesse esforço para atrair residentes. Segundo o site de notícias americano CNN, a pequena vila já conseguiu vender três imóveis, e mais de 100 pessoas ao redor do mundo expressaram interesse em comprar mais.

Mas – sempre tem um mas – existe uma condição especial: como parte do negócio, os novos proprietários devem pagar para renovar suas casas dentro de 3 anos, em um valor avaliado em 20 mil euros (aproximadamente 80 mil reais).

Origens pré-históricas

O prefeito da cidade, Efisio Arbau, afirmou à CNN que o objetivo é preservar a cultura de Ollolai. “Nós temos origens pré-históricas, minha missão é resgatar nossas tradições únicas e evitar cair no esquecimento”, completou.

Essa não é a primeira vez que uma cidade da Itália recorre à venda de casas por um preço atrativo para aumentar o número de habitantes. A cidade siciliana de Gangi também já vendeu casas a 1 euro em 2015 devido às mesmas condições de Ollolai.

Outros exemplos

Até mesmo cidades americanas como Gary, Indianápolis e Detroit já usaram a mesma estratégia, ao vender casas por 1 dólar ou até mesmo entregando-as de graça aos novos moradores.

Ainda não está claro se a estratégia realmente vai funcionar, mas o prefeito está otimista. “O orgulho do passado é a nossa força”, afirmou Arbau. “Nós sempre fomos pessoas fortes e não permitiremos que nossa cidade morra”, finalizou.

FONTE: MEGACURIOSO

COMPARTILHAR