SP: Carro coberto por algas emerge com seca no Rio Tietê

159

carro_tiete_-_policia_militar_1A seca no Rio Tietê fez com que um carro, que estava submerso, fosse encontrado na noite desta segunda-feira (18) coberto de algas e mexilhões dourado. Esse é o quinto veículo localizado na região de Araçatuba(SP) depois que a água dos rios começou a baixar.

Segundo a polícia, o veículo estava num ponto próximo ao estaleiro da cidade e foi encontrado por uma pessoa que passava pelo local. O carro foi retirado com ajuda de um guincho e estava coberto de algas, mexilhões e sem placas.

Ainda não se sabe a procedência do veículo e o tempo que ele passou submerso no rio. A polícia acredita ser produto de furto ou roubo. O carro foi encaminhado para perícia no Instituto de Criminalística de Araçatuba.

Outros casos
Há uma semana, um veículo, que antes estava submerso, ficou visível. A polícia esteve no local para retirar o automóvel e, segundo eles, a chave ainda estava no contato. O veículo tem placas de Araçatuba, ano de 1996, e foi encontrado no afluente do rio, o Córrego Azul. O volante e o pedal estavam amarrados com cordas. O carro foi removido do local e transportado para o pátio da cidade. Na delegacia, foi descoberto um boletim de ocorrência por furto dele, há 15 anos.

Em maio, outros três veículos também foram encontrados no fundo do córrego do Lafon, na área rural de Araçatuba e um dos afluentes do Rio Tietê. A água baixou muito e acabou revelando as carcaças de um carro, de um caminhão e peças de uma motocicleta. Elas estavam debaixo de uma ponte e foram vistas por motoristas que passavam pelo local.

G1

VEJA TAMBÉM

COMPARTILHAR