Quanto valem as moedas das olimpíadas?

2974

3-39-768x484
Os Jogos Olímpicos acabaram, mas as moedinhas ainda estão circulando por aí. Sim, as moedas comemorativas de 1 real estão fazendo com que os colecionadores fiquem loucos. Você já pode imaginar o porquê, certo? Essas moedas estão valendo muito mais do que seu valor de troca.

Nós aqui da redação da Fatos Desconhecidos, ao longo dessas duas semanas dos Jogos Olímpicos, falamos algumas vezes sobre o evento. Talvez você goste de (re)ver: Quanto custou a Olimpíada no Brasil?; Por que os atletas dão uma leve mordidinha nas medalhas?; 8 tolices ocorridas nos Jogos Olímpicos que você não percebeu; As medalhas da Olimpíada são realmente feitas de ouro, prata e bronze?; 7 cenas horríveis que aconteceram nessas Olimpíadas.

De acordo com o site G1, as moedas olímpicas já chegaram ao valor de, mais ou menos, 100 reais, cada. Espera-se que esse valor aumente cada vez mais. De acordo com informações oficiais, existem mais de 200 milhões de moedas comemorativas rodando todo o país.

São um total de 17 modelos diferentes. Se pensarmos no tamanho do Brasil e a quantidade de pessoas que utilizam essas moedas por dia, o número de exemplares é bem baixo. O comportamento dos colecionadores confirma mais ainda essa ideia. Essas pessoas estão em busca das moedas olímpicas, cada vez com mais intensidade.

Um bom exemplo disso é são os funcionários de uma papelaria que já conseguiram juntar 133 moedas olímpicas, desde que o dono da papelaria prometeu vender as moedas na internet e dividir o lucro entre as pessoas que que o ajudarem a completar sua coleção.

Veja bem, se cada moeda vale, pelo menos, 100 reais, e no total são 17 moedas, imaginem só quanto valerá a coleção inteira. E não apenas, imaginem só quanto elas valerão daqui alguns anos!

Então pessoal, preste atenção nas moedinhas de um real que passam por suas mãos. Às vezes você tem mais dinheiro no bolso do que imagina! Encontraram algum erro na matéria? Ficaram com alguma dúvida? Não se esqueçam de comentar com a gente!

FONTE(S) G1, Segredos do Mundo

COMPARTILHAR