Os 7 casos mais chocantes de uso de anabolizantes

1372

transformacao_Denise_Rutkowski_05O uso de anabolizantes vem se tornando, a cada dia, um hábito comum, principalmente pelas pessoas que praticam esportes, para aumentar a competitividade, ajudar na cura de lesões ou simplesmente por questões estéticas. Porém, o consumo excessivo desse tipo de produto é muito perigoso e pode causar danos irreparáveis ao corpo humano.

Esses anabolizantes são as grandes tentações em muitas academias e centros de treinamentos. Mas uso desse produto gera efeitos colaterais, tanto em homens e mulheres, como: aumento de acnes, queda do cabelo, distúrbios da função do fígado, tumores no fígado, explosões de ira ou comportamento agressivo, paranoia, alucinações, psicoses, coágulos de sangue, retenção de líquido no organismo, aumento da pressão arterial e risco de adquirir doenças transmissíveis como AIDS e Hepatite.

Infelizmente, existem vários casos de abuso extremo do produto. Confira os 7 casos mais chocantes de uso de anabolizantes!

Chris Benoit

Chris-Benoit-entre-os-casos-de-abuso-de-esteroides-anabolizantes

Ex-astro da WWE – principal organização de lutas encenadas, o canadense Chris Benoit foi uma estrela condecorada no mundo da luta. Os esteroides se tornaram um papel crucial na vida de Chris, e sua profissão o encorajou a tomar esteróides em primeiro lugar. Muitos acreditam que os anabolizantes que Chris usava foi um dos motivos de assassinar a sua família. Isso mesmo!

Seu cérebro foi severamente danificado pelos anos de contusões sofridas enquanto lutava, que pode ter levado a depressão profunda. Alguns afirmam também que a testosterona elevada no sistema de Benoit reagiu de forma agressiva ao tratamento inciado para reverter os anos de abuso de esteróide. Dois dias após assassinar sua esposa e filha, se enforcou.

Denise Rutkowski

05161411769611

Conhecida como Pantera Dourada ou simplesmente Raven, ela conquistou o segundo lugar no Miss Olympia em 1993, com chances claras de vencer a competição. Mas depois de ganhar fama no mundo do fisiculturismo e possuir milhares de fãs no planeta, sem nenhuma explicação, ela surtou e se asilou em um colégio de freiras durante um período de dois anos.

A partir de 1996, Denise passou a viajar por todos os EUA pregando a palavra de Deus em vários lugares, inclusive em seu estado natal, o Texas. Porém, em 2001, ela não aguentou e crise de abstinência e voltou a treinar forte novamente, mas seu corpo já não respondia tão bem tanto aos exercícios pesados quanto aos esteroides. E
sua última aparição foi em 2013, quando ela foi presa por desacato à autoridade e resistência à prisão.

Greg Valentino

hQ7yYea

Gregg Valentino é um dos mais controversos e populares fisiculturistas do mundo. Ele começou a fazer musculação aos 13 anos. Aos 23, decidiu experimentar esteroides e durante muitos anos dedicou-se ao crescimento dos seus bíceps, usando synthol, uma espécie de óleo. Isso mesmo, óleo. Depois de muitos anos de injeções, seu corpo simplesmente não suportou e seu bíceps “explodiu”. Valentino não parou por aí, o tráfico de drogas veio em seguida, morte de sua namorada por overdose e sua própria prisão.

As imagens são muito fortes para serem colocadas diretamente no site, então se quiser realmente ver: FOTO 1, FOTO 2, FOTO 3

Candice Armstrong

slide_322267_3038203_free

Antes, ela exibia corpo esguio, mas, atualmente, a inglesa tem músculos imensos e pelos que crescem nas costas, no queixo e acima da boca. Candice disse que não pretendia ficar tão masculinizada quando começou a tomar os anabolizantes, mas que agora é tarde demais para parar de consumi-los e recuperar as formas de antes. A  ex-barman, sofre com dismorfia corporal.

Além dos músculos, os efeitos secundários também são severos. Junto ao excesso de pelos e acne, o clitóris de Candice cresceu tanto que se transformou em um mini-pênis. Os seios também sofreram modificações e, mesmo com o excesso de treinamento, eles não crescem. Por sua parte, Candice nunca sonhou que se tornaria tão masculina quando ela começou a tomar esteroides.

Heidi Krieger

Heidi-Krieger

O Alemão nasceu em Heidi. Era uma campeã europeia do arremesso de peso que precisou abandonar o esporte aos 22 anos por causa das mudanças em seu corpo, consequência das enormes doses de esteroides que recebeu e que a levaram a fazer uma operação de mudança de sexo em 1997.

O medicamento aumenta a massa muscular e acelera a recuperação de lesões, fazendo com que atletas possam treinar por mais tempo. Por causa da composição semelhante à testosterona, o impacto é maior nas mulheres, que passam a desenvolver características masculinas, como crescimento de pelos e o tom de voz mais grave.

Arlindo de Souza

Arlindo-de-Souza-entre-os-casos-de-abuso-de-esteroides-anabolizantes

O pedreiro, Arlindo de Souza, de Olinda (PE) conhecido como o Popeye da vida real, injetou óleo mineral e álcool em seu bíceps de 73 cm. É um músculo artificial, sem aumento de força ou energia. É apenas estético. A venda indiscriminada deste óleo atrai os jovens, que se espelham em grandes atletas que já fizeram uso.

A maioria acabam injetando o chamado Synthol é uma mistura letal de petróleo e álcool que infla os músculos do usuário. Os usuários de synthol são extremamente suscetíveis a infecções, abscessos, amputações e finalmente morte. Na falta dele, é usado Potenay, ADE, Ganekyl, óleo mineral, Androgenol entre outros.

Mimi D’Attomo

05161430942612

Quando tinha 20 anos de idade, Mimi já começou suas aventuras no universo do bodybuilding. Tornou-se fanática em seu desejo de vencer nas competições, e acabou se voltando às drogas. Ela começou a misturar coquetéis de esteroides e diuréticos após competir por três anos. Depois de viver alguns anos nessa empreitada bizarra, Mimi desistiu de ficar super sarada e resolveu abandonar o uso de substâncias perigosas. Com sorte, ela parou antes que as “bombas” acabassem de vez com sua saúde. Antes tarde do que nunca, não é mesmo?

 

FONTE(S): taylorhooton
IMAGENS: Bananaby
COMPARTILHAR