Mãe de Paul Walker revela a última conversa que teve com ele antes de sua morte

27

Paul Walker se foi e deixou o seu legado e muita saudade nos fãs. Para quem não sabe, Walker foi um grande ator norte americano que ficou conhecido, em 2001, após interpretar Brian O”Conner no filme “Velozes e Furiosos”. Depois disso, Paul continuou no elenco e deu sequência a uma das franquias de maior sucesso de todos os tempos. O ator nasceu em Glendale e cresceu em San Fernando Valley, arredores de Los Angeles. Sua paixão por carros tirou a sua vida, visto que ele morreu em um acidente no dia 30 de novembro de 2013, aos 40 anos. Ele era passageiro no carro de um amigo e os dois perderam a vida no episódio que aconteceu no sul da Califórnia. Hoje, 30/11/2018, se completam 5 anos desde que ele se foi.

Cheryl, mãe de Paul, falou com exclusividade sobre o último dia de vida do filho e revelou coisas sobre a última conversa que tiveram. Segundo ela, na manhã do dia em que morreu, Paul estava bem humorado e conversava com sua filha sobre os planos para as férias. Na época, o ator estava numa pausa nas gravações do sétimo filme da franquia “Velozes e Furiosos”. Ele disse que compraria uma árvore de natal na mesma noite e decoraria com a filha de 15 anos.

“Estávamos tendo uma boa conversa, quando ele subitamente lembrou de um evento que deveria estar”, contou a mãe. “Ele recebeu uma mensagem e disse: “Oh meu Deus, eu deveria estar em outro lugar!””. Quando ele saiu correndo, no dia 30 de novembro de 2013, para participar de um show de caridade para sua organização “Reach Out Worldwide”, Cheryl não imaginava que seria a última vez que veria o filho vivo. Algumas horas depois, quando saiu do evento, Paul disse que queria dar uma volta em um Porsche Carrera GT vermelho. Quem dirigia era seu amigo, Roger Rodas.

O carro em que estavam bateu e explodiu, matando os dois na hora. As pessoas próximas ao ator decidiram revelar um pouco mais sobre sua vida e legado. Foi lançado um documentário chamado “I Am Paul Walker”. Esse documentário foi lançado no dia 11 de agosto, no canal Paramount Network. Ele foi produzido por Derik Murray e dirigido por Adrian Buitenhuis.

Cheryl ainda declarou: “Eu acho que muitas pessoas pensam: “Oh, ele era apenas uma estrela de cinema que foi morto em um acidente de carro”. Mas havia muito mais coisas sobre ele. Isso foi apenas um pedaço de quem ele era. Ele era um homem incrível”. Cinco anos após sua morte, os membros da família dizem que têm as próprias maneiras de manter sua memória viva. “Recebi cartas de pessoas de todo o mundo que disseram que ele fez a diferença em suas vidas”, disse sua mãe. “Isso é uma bênção. Ele nunca será esquecido”.

E aí, o que você achou sobre tudo isso dito pela mãe de um dos maiores atores de filmes de ação de todos os tempos? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

FATOS DESCONHECIDOS

COMPARTILHAR