Jovem de 18 anos põe virgindade à venda para evitar que família seja despejada

793

Aleexandra Khefren, de 18 anos, decidiu vender a sua virgindade por 1 milhão de euros (cerca de R$ 3,7 milhões), para que, segundo ela, a família não seja despejada da casa em que vive em Bucareste (Romênia) por causa de grave dificuldade financeira. A jovem também pretende usar o dinheiro para custear os estudos.

blog_khefren-696x416

O processo de negociação da “primeira vez” de Aleexandra está sendo conduzido por um site de garotas de programa. O “Cinderella Escorts” afirmou ter um certificado de virgindade emitido por médicos e salientou que o comprador ter o direito de refazer o exame.

De acordo com reportagem do tabloide inglês “Daily Mail”, o pai, Toni, que é policial, e a mãe, Elena, negaram que estejam com problemas financeiros. Eles ameaçaram deserdar Aleexandra caso ela prossiga com a venda da virgindade.

Em programa em TV britânica, a jovem disse que, apesar da ameaça familiar, não voltará atrás.

“Muitas garotas perdem a virgindade e depois terminam com o cara. Então, (a minha) será por uma boa causa”, explicou a romena.

COMPARTILHAR