JAPÃO CONFIRMA PRIMEIRA MORTE CAUSADA PELA RADIAÇÃO DE FUKUSHIMA

28

O Japão confirmou ontem (5) a primeira morte por exposição à radiação originada pelo acidente na usina nuclear de Fukushima, em 2011. Em março daquele ano, o país asiático foi atingido por um terremoto de magnitude 9,0, o que resultou, também, em um tsunami que deixou 18 mil mortos e causou a destruição do sistema de resfriamento dos reatores nucleares da Central Nuclear de Fukushima I.

A primeira morte como resultado da exposição à radiação foi confirmada na última sexta (31), segundo informa a Reuters, após o Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-estar liberar o pagamento de uma indenização a uma vítima de câncer no pulmão. O homem, já com mais de 50 anos, teria trabalhado ao menos duas vezes na usina Fukushima Daiichi após o desastre de março de 2011.

Outros quatro funcionários que prestaram serviços na usina após 2011 ficaram doentes, mas os casos não foram relacionados pelas autoridades ao trabalho no local. Assim, está é a primeira vez que o Estado japonês confirma uma morte em decorrência da atuação na usina destruída há sete anos.

Apesar disso, a Tokyo Electric, empresa responsável pela usina, enfrenta diversas ações judiciais pedindo indenização em decorrência do maior desastre nuclear desde Chernobyl, na antiga União Soviética.

MegaCurioso

COMPARTILHAR