Como seria Michael Jackson se ele não tivesse feito nenhuma cirurgia plástica?

597

443994-michael-jackson-michael-jackson-how-could-anyone-hate-you
Michael Joseph Jackson, nasceu em 29 de agosto de 1958 em Gary, Indiana (EUA) e faleceu no dia 25 de junho de 2009 em Los Angeles, Califórnia (EUA). Conhecido como o “Rei do Pop”, foi um dos maiores nomes da indústria cultural dos últimos 25 anos do século passado.

Iniciou sua carreira ainda criança, em 1968, com seus irmãos em um grupo chamado Jackson 5. Apesar de ser o mais novo dos irmãos, foi o que mais se destacou, principalmente por ter sido o vocalista do grupo. O primeiro sucesso do grupo foi I Want You Back, durante a década de 1970, também se destacaram entre as mais tocadas dos EUA e fizeram grande sucesso com ABC.

Apareceram em vários programas televisivos, além das incríveis performances no palco. Michael Jackson começou sua carreira solo no ano de 1979, com o álbum Off the Wall, o qual vendeu sete milhões de cópias. E foi na década de 1980 que conquistou o título de Rei do Pop. O álbum Thriller (1982) é o disco mais bem vendido até hoje, tendo como sucessos as músicas Billie Jean, Beat It e Thriller. Além das músicas, superinvestia em clips.

O vídeo clip Bad, principal música do álbum de mesmo nome, lançado após Thriller, foi dirigido pelo cineasta Martin Scorcese, se tornando um sucesso de vendas. Além de cantor e compositor, Michael também era um exímio dançarino. Sendo de sua titularidade o passo de dança Moonwalk. Sua carreira começou a declina no início dos anos 90. Com a venda de “apenas” 20 milhões de cópias do álbum Dangerous.

Um número relativamente pequeno se comparado aos álbuns anteriores. Sua vida privada foi muito exposta à mídia, em 1994 se casou com Lisa Marie Presley, filha de Elvis Presley, da qual se separou dois anos depois. Em 1993, foi acusado pela primeira vez de pedofilia por um menino de 13 anos. A segunda acusação aconteceu em 2003, porém, Michael foi absolvido de ambas acusações.

No que se trata da figura estética do artista, Michael, aos poucos, foi perdendo suas características afrodescendentes, principalmente por conta de uma doença de pele, chamada Vitiligo, a qual causa o embranquecimento da pele. Além disso, passou por várias cirurgias plásticas, principalmente no nariz, as quais deformaram completamente seu corpo, em evidência, seu rosto.

Apesar de todos os problemas ao longo das décadas de 1990 e 2000, Michael ainda tinha a esperança de alavancar sua carreira, tendo marcado uma nova turnê com cerca de 50 shows em Londres, no ano de 2009. Porém, a turnê This is it foi cancelada com a notícia de sua morte em 25 de junho de 2009. O aparente motivo de sua morte teria sido parada cardíaca, resultado de uma overdose de medicamentos, ministrados pelo médico Conrad Murray, o qual foi condenado a 4 anos de prisão por negligência.

Michael foi, é e sempre será um símbolo da indústria cultural, da música pop. Deixando um legado magnífico. Pensando em toda a vida do artista e em como as coisas aconteceram, nós aqui da redação da Fatos Desconhecidos selecionamos uma sequência de fotos que mostram a evolução do físico do cantor. E, não apenas, ainda mostramos como seria o rosto de Michael Jackson, em 2009, caso não tivesse sofrido com a doença de pele e não tivesse feito qualquer cirurgia plástica.

Também é importante lembrarmos que não temos o intuito de criticar, julgar, muito menos impor verdades absolutas. Nosso objetivo é único e exclusivo de informar e entreter. Por isso, o conteúdo dessa matéria se destina a aqueles que se interessarem e/ou identificarem. Sendo assim, confira: Como seria Michael Jackson se ele não tivesse feito nenhuma cirurgia plástica?
09-71

Esse seria o provável rosto de Michael Jackson caso ele não tivesse sofrido com a doença de pele (Vitiligo) e não tivesse se sujeitado a tantos procedimentos estéticos.

Então pessoal, o que acharam? Encontraram algum erro? Ficaram com dúvidas? Possuem sugestões? Não se esqueçam de comentar com a gente!

FONTE(S) Bright Side, Brasil Escola

COMPARTILHAR