As assustadoras previsões de “De Volta para o Futuro 2” que se tornaram realidade

520

48De Volta Para o Futuro II é um clássico de 1989 de ficção científica. Foi dirigido por Robert Zemeckis e escrito por Bob Gale. A franquia começou em 1985. O filme é estrelado por Michael J. Fox, Christopher Lloyd, Thomas F. Wilson e Lea Thompson e continua imediatamente após o final da primeira película.

Depois de reparar o dano feito na história por suas viagens anteriores, Marty McFly (Fox) e seu amigo Dr. Emmett “Doc” Brown (Lloyd) viajam para 2015 para evitar que o futuro filho de McFly acabe preso. No entanto, a sua presença permite que Biff Tannen (Wilson) roube a máquina do tempo DeLorean e volte para 1955, onde ele altera história, fazendo seu eu rico.

O filme teve um orçamento de US$ 40 milhões e foi filmado simultaneamente com a Parte III. De Volta para o Futuro II foi lançado pela Universal Pictures em 22 de novembro de 1989. O filme arrecadou mais de 331.000.000 de dólares em todo o mundo, tornando-se a terceira maior bilheteria de filmes em 1989.

Visão de 2015

113-600x360

De acordo com o diretor do filme, 2015 retratado no filme não era para ser uma descrição precisa do futuro. “Para mim, filmar as futuras cenas do filme foram o menos agradável de fazer toda a trilogia, porque eu realmente não gosto de filmes que tentar prever o futuro. O único filme desse estilo que eu realmente gostava eram os únicos realizado por Stanley Kubrick, e nem mesmo ele previu o PC quando ele fez ‘Laranja Mecânica’.

Então, ao invés de tentar fazer uma previsão cientificamente correta sobre o futuro, nós decidimos que nós iamos tornar o futuro engraçado”. Apesar disso, os cineastas fizeram alguma investigação sobre o que os cientistas pensavam que podia ocorrer no ano de 2015.

Previsões

212-600x375No entanto, o filme previu corretamente uma série de mudanças tecnológicas e sociológicas, como a ascensão onipresentes das câmeras, o aumento da influência asiática nos Estados Unidos, televisores de tela plana montados em paredes, a possibilidade de assistir a seis canais ao mesmo tempo, videoconferência via internet e aumento da procura por cirurgias plásticas.

O filme também preveu muitas coisas erradas como carros voadores, hoverboards, pagamento por impressão digital, roupas automatizadas e a abolição dos advogados. Houve uma alta demanda do tênis Nike usado por Marty que tem os cadarços automáticos. A finalmente lançou uma versão real do sapato em julho de 2008. Os fãs apelidaram a Air McFly.

O conceito da prancha de skate que pode flutuar fora da terra tem sido explorado por vários grupos desde o lançamento do filme. Tentativas semelhantes foram demonstradas com uma distância de 2015 recorde de 275 metros. Um tipo diferente de hoverboard é a MagBoard, desenvolvido por pesquisadores da Universidade de Paris. Ele usa um grande supercondutor arrefecido com azoto líquido para atingir o efeito similar ao filme.

36-600x401

Extrema dependência de produtos eletrônicos

81

Em De Volta para o Futuro II, os futuros filhos de Marty usam fones de ouvido na mesa de jantar para fazer e receber chamadas e assistir TV. Com a introdução do Google Glass e o Oculus Rift, a realidade virtual não ficou muito longe do nosso cotidiano.

Tablet

9-600x420

Quando Doc encontra com Marty na torre do relógio, ele está com um computador no estilo de tablet . Atualmente, esse tipo de equipamento é extremamento comum. Estima-se que mais de 233 milhões de tablets serão vendidas em 2015, um aumento de 8 por cento a partir de 2014.

Fonte: NY Daily News

COMPARTILHAR