8 mais estranhas viagens turísticas que você pode experimentar um dia

18

Viajar é, com certeza, um dos melhores hobbies que existem. São vários os lugares para se conhecer e várias as experiências para viver nesses locais. As diversas vivências dão nome também às classificações de turismo. São vários os tipos e jeitos de viajar pelo mundo. Algumas são até um pouco estranhas, mas é a experiência que vale!

Mas não vamos julgar os amantes de nenhuma prática. Vai dizer que você nunca pensou em ir para outra cidade tratar dos dentes e da saúde bucal? Pois saiba que muitas têm esse hábito, tanto que ele é um dos itens da nossa lista.

Confira agora as mais estranhas viagens turísticas que você pode experimentar.

1 – Booze cruise

Esta foi uma prática comum no final da década de 1980. Várias pessoas saíram do Reino Unido em direção à França e à Bélgica para aproveitar o baixo preço das cervejas e do tabaco. Sim, o principal objetivo era beber e fumar por um bom preço.

2 – Turismo de despedida de solteiro

Esse é o turismo realizado pelos noivos, pouco antes da cerimônia. As viagens costumam ser acompanhadas de amigos e são regadas a muitas festas e curtição.

3 – Enoturismo

Essa forma de turismo às vezes é confundida com o turismo de bebidas, no entanto, esse é um tanto mais técnico e específico. O enoturismo é focado apenas no vinho e todo o processo que envolve sua produção. Desde passeio a vinícolas até a participação no processo de colheita de fato.

4 – Turismo odontológico

Essa é uma subcategoria do turismo médico. E se resume nas pessoas que buscam tratamento melhor ou de modo mais especializado fora de sua cidade ou país. Começou quando as celebridades britânicas começaram a visitar os dentistas da Califórnia, com o intuito de melhorar o sorriso.

5 – Turismo de drogas

Essa forma de turismo, como próprio nome diz, gira em torno do consumo de drogas. A Holanda, por exemplo, é um dos principais turismos desse tipo, já que a maconha é liberada e você pode fumar tranquilamente, sem ter que se preocupar com olhares de julgamento, nem mesmo com a polícia.

6 – Turismo de desastre

Por incrível que pareça, as pessoas têm curiosidade de conhecer os locais em que grandes tragédias ocorreram. Essa forma de turismo foi uma das que os moradores, vítimas do furacão Katrina, encontraram para conseguir algum dinheiro. Eles ofereceram visitas guiadas aos bairros de Nova Orleans, que foram severamente atingidos pelo desastre.

7 – Turismo de nascimento

O nome já diz tudo. Nessa forma de turismo, as mães viajam para outro país com o único intuito de dar à luz. Não se sabe ao certo quando a prática surgiu.

8 – Turismo de guerra

Pessoas aventureiras (ou quem sabe, suicidas) gostam da ideia de estar em uma zona de guerra ativa. Sim, eles estão correndo risco de vida real, mas existe todo um preparo para que estejam ali. Para aqueles que têm interesse em conhecer um pouco mais sobre a história de alguma guerra que já acabou, há como visitar zonas de guerra inativas. Que claro, são muito mais seguras.

FATOS

COMPARTILHAR