7 FATOS HISTÓRICOS QUE FREQUENTEMENTE SÃO SILENCIADOS

24

A história do mundo é rica e quase infindável. É impossível saber de  tudo o que já aconteceu, no entanto, já temos acesso a vários dados e informações de nossos antepassados. No entanto, algumas partes dos fatos históricos não são revelados.

Os motivos são os mais diversos. Às vezes esses fatos podem envergonhar algumas grandes nações. Ou talvez, manchar a História. E por isso, há varias partes da História que são silenciadas, evitadas.

Apesar de todo o cuidado para manter em segredo, algumas vezes as coisas acabam vazando. E agora nós vamos te contar sobre o outro lado de alguns fatos históricos, que você nem imaginava.

1 – Havia também cães a bordo no Titanic

Além dos 2.200 passageiros a bordo do Titanic, havia também 12 cães. O que quase ninguém comenta. Após a tragédia, 705 pessoas foram resgatadas com vida e também outros 3 cãezinhos. Assim no diminutivo mesmo, por serem pequenos, seus donos conseguiram levá-los nos botes.

2 – Muro de Berlim vendido

Após a queda do muro de Berlim, o governo autorizou a venda de alguns fragmentos. Uma forma de criar um fundo em moedas estrangeiras. Uma dos locais mais inusitados aonde um pedaço pode ser encontrada está em um banheiro de um cassino, em Las Vegas.

3 – Marte não é vermelho

De longe, quando vemos Marte, ele realmente parece ser vermelho. Isso se deve às substâncias ao redor de sua atmosfera, que dão esse aspecto. No entanto, visto de perto, é possível perceber que na verdade Marte é bem colorido e não predominantemente vermelho.

4 – Morcegos bombas

Durante a Segunda Guerra Mundial, várias armas foram criadas. Elas eram de todos os tipos e formas possíveis. Não estamos brincando quando dizemos isso. Fato que comprova isso, é que houve um momento em que os EUA criaram todo um plano para acoplar bombas em morcegos. O objetivo era atacar o inimigo, sem que ele desconfiasse de nada. Felizmente, em um momento de iluminação, eles perceberam que a ideia não daria certo e abortaram o projeto.

5 – Papagaio do presidente

O ex-presidente dos EUA, Andrew Jackson, tinha como bichinho de estimação um papagaio. Eles eram muito próximos, no entanto, ninguém imaginava que a ave tinha a boca tão suja. Em 1837, quando o presidente morreu e estava sendo velado, o papagaio começou a disparar uma série de xingamentos, o que o fez ser retirado do local.

6 – Salada Caesar

A Salada Caesar é habitualmente atribuída a imagem de Júlio César, no entanto, não é nenhum tipo de homenagem ao imperador romano. Na verdade, ela recebeu esse nome, em homenagem ao seu criador, Caesar Cardini. Ele criou a receita em um feriado, quando não havia nada na cozinha e ele então se virou com o que tinha.

7 – Magalhães não deu a volta ao mundo

Fernão Magalhães foi o idealizador da viagem que faria toda a circunferência ao redor ao redor do mundo. Ele idealizou e planejou toda a rota, no entanto, acabou sendo assassinado nas Filipinas, com uma flecha envenenada. O restante de sua tripulação, por sua vez, conseguiu concluir a rota com sucesso.

COMPARTILHAR