5 maneiras horríveis (porém reais) de dar super poderes ao seu corpo

353

0-53
Life hacks, body hacks, truques e segredos para controlar a vida e o corpo são cada vez mais populares na internet. Algumas habilidades de nosso corpo podem ser desbloqueadas com alguns simples jeitos diferentes de fazer as coisas, toques em partes que escondem segredos ou estratégias para nos enganar e nos ensinar algumas novas funções que podem quase ser vistas como super poderes.

Algumas técnicas capazes de melhorar o rendimento do nosso corpo em várias áreas, porém, não são das mais recomendadas quando se fala de saúde. São estratégias que provocam efeitos positivos no corpo, mas vêm acompanhadas de altos riscos em vários momentos. Diferente de objetos comuns do dia-a-dia, o nosso corpo nem sempre pode se recuperar de danos com facilidade, então não são estratégias muito recomendadas.

Ainda assim, apresentamos aqui algumas maneiras de melhorar funções do corpo (ainda que possa ser muito prejudicial para várias outras).

1 – Queimaduras e calor podem melhorar a memória

Um estudo realizado na Northwestern University foi capaz de descobrir que as pessoas tendem a lembrar das coisas quando sentem dores. A dor pode ajudar a lembrar de pequenos detalhes mesmo anos após o ocorrido. Pesquisadores colocaram 31 voluntários observando objetos comuns enquanto eram submetidos a diferentes níveis de dor, causadas pelo calor. Logo em seguida, os participantes passara por testes e em média foram capazes de lembrar cerca de 3/4 do que haviam visto, independente do nível de dor. No entanto, eles foram chamados de volta ao laboratório um ano depois e conseguiram lembrar muito mais dos objetos que viram com a dor em altas escalas.

2 – Sexo sem proteção pode melhorar o humor

De acordo com uma pesquisa da State University of New York, foi possível determinar que estudantes universitárias que costumavam ter sexo sem preservativos mostraram menos sinais de comportamento depressivo do que as que utilizavam camisinha com frequência ou não faziam sexo. Isso porque o sêmen inclui compostos capazes de melhorar o humor como endorfinas, oxitocina e serotonina. Como os tecidos da mucosa vaginal são as partes mais absorventes do corpo feminino, o sexo sem proteção é a forma mais eficaz de adquirir esses componentes. É claro que o sexo sem camisinha tem riscos, então pense bem antes de tomar essa decisão.

3 – Tatuagens podem melhorar a saúde

Ter várias tatuagens no corpo pode potencializar o seu sistema imunológico da mesma forma que algumas vacinas. Pesquisadores coletaram exemplares de saliva de 29 voluntários antes e depois de fazerem tatuagens. As pessoas que faziam a primeira tatuagem apresentavam índices menores de imunoglobulina A, uma das substâncias do corpo que combate infecções, como resfriados comuns. Fazer somente uma tatuagem pode afetar todo o sistema de proteção de seu corpo, mas os voluntários que tinham várias tatuagens apresentaram muito mais força no sistema imunológico. O estudo afirma que o acúmulo de experiências de dor cria uma compensação no corpo, melhorando os sistemas de defesa e potencializando o funcionamento da proteção.

4 – Amputados podem patinar melhor

Esportes e atividades que envolvem patins, como o hóquei no gelo, são responsáveis por colocar muita pressão nos calcanhares dos atletas. Segundo alguns estudos, a melhor forma de evitar isso pode ser radical demais, mas é não tendo calcanhares. Os pés humanos podem ser movidos em eixos horizontais e verticais, mas essa liberdade de movimento pode ser prejudicial para a patinação. Os movimentos horizontais podem se tornar uma inconveniência responsável por atrapalhar o rendimento e causar dores. Jogadores com próteses mecânicas, por outro lado, não apresentam o mesmo problema. O cansaço muscular não só e eliminado, como as partes mecânicas absorvem a pressão de forma muito mais eficaz, aumentando o rendimento.

5 – Castração pode prolongar a vida masculina

Os testículos são responsáveis por produzir a testosterona liberada no corpo masculino. O hormônio funciona como imunossupressor, o que pode causar maior risco de doenças em homens do que em mulheres. O maior nível de testosterona pode ser responsável, por exemplo, pelo maior índice de problemas cardíacos em homens. Os testículos não fazem os homens ficarem mais doentes, porém podem atrapalhar o processo de ficar saudável. Por causa disso, eunucos e animais castrados apresentam uma tendência de vidas mais longas do que os machos com os órgãos intactos. Em média, os eunucos chegavam a viver até 20 anos a mais do que os outros homens.

Lembrando que a gente não recomenda que tentem nenhum desses truques em casa, ok?

FONTE(S) Cracked

COMPARTILHAR