4 CURIOSIDADES QUE VOCÊ TALVEZ DESCONHEÇA SOBRE OS EQUINÓCIOS

68

Hoje, como você sabe, acontece o Equinócio de Outono — aqui no Hemisfério Sul, pois, no Norte, é o Equinócio de Primavera que está rolando hoje! —, data que, para quem vive ao sul da linha do equador, marca o fim do verão. Pois existem diversas curiosidades interessantes relacionadas com esse dia. Confira uma porção delas a seguir:

1 – Sabia que a palavra Equinócio significa “Noite Igual”?

O termo equinócio é derivado das palavras aequi e nox que, traduzindo do latim, significam igual e noite, respectivamente. Pois faz todo sentido, considerando que os equinócios acontecem em dias em que os dias e as noites têm exatamente a mesma duração — em todas as partes do mundo.

Isso acontece devido ao ângulo de inclinação da Terra — de 23,5 graus — sobre o próprio eixo com relação ao plano qual que o nosso orbita ao redor do Sol que, duas vezes ao ano, se interceptam traçando uma linha reta imaginária no céu.

Então, no dia do equinócio, o que acontece é que o nosso astro-rei “cruza” o equador celeste, fazendo com que todas as regiões do planeta tenham 12 horas de dia e 12 de noite. Bem, tecnicamente falando, o dia terá alguns minutinhos a mais de duração do que a noite, uma vez que o nosso mundo leva 365 dias, 5 horas, 49 minutos e 12 segundos para completar uma volta ao redor da estrela.

2 – A variação orbital da Terra deverá afetar os equinócios no futuro

Falando em inclinação da Terra, além de girar sobre o próprio eixo, as forças gravitacionais exercidas pelo Sol e até pela Lua fazem com que o nosso planeta também “bamboleie” um pouco — e esse movimento deverá afetar os equinócios no futuro.

Atualmente, a inclinação do eixo terrestre aponta para a Estrela Polar — ou Estrela do Norte —, situada na constelação Ursa Menor. Mas, segundo estimam os astrônomos, dentro de 12 mil anos, mais ou menos, a variação orbital fará com que o eixo aponte para outro astro, a estrela Vega, que fica na constelação de Lira. Esse “aponta pra cá, aponta pra lá”, aliás, é cíclico e se repete a cada 26 mil anos.

3 – Ele marca a chegada do Ano Novo Persa

Embora seja Equinócio de Outono no Hemisfério Sul, no Hemisfério Norte, hoje é o Equinócio de Primavera e, para mais ou menos 300 milhões de pessoas no mundo, também é o dia de celebrar o Nowruz, isto é, o Ano Novo do calendário Persa. A festividade é iniciada no primeiro dia do primeiro mês do calendário solar usado por vários países da Ásia Central — entre eles, o Irã, o Afeganistão, o Cazaquistão e o Azerbaijão — e tem 13 dias de duração.

As celebrações começam com faxinas caprichadas em casa e, depois que a limpeza é finalizada, as famílias se reúnem para saborear banquetes e realizar uma porção de rituais tradicionais, como pintar ovos — que representam a fertilidade —, pular fogueiras (no que é conhecido como Chahar Shanbe Sûri e representa a ideia de renovação associada ao novo ano), e, no caso da criançada, sair batendo panelas de casa em casa para ganhar doces da vizinhança.

4 – E marca outras celebrações também

O equinócio que ocorre em março também é celebrado pelos seguidores do xintoísmo no Japão, que aproveitam a data para homenagear seus antepassados, enquanto que para os seguidores do budismo, é nesse dia que os espíritos dos mortos passam ao nirvana. Sem falar que era nessa ocasião que os maias realizavam, entre outros rituais, sacrifícios humanos em Chichen Itza.

Já para os seguidores do cristianismo, a Páscoa — que já está chegando — é celebrada no domingo que cai após a primeira lua cheia depois do dia 21 de março, ou seja, a data que os líderes das diferentes igrejas adotam como Equinócio Eclesiástico, uma vez que, como o equinócio astronômico pode cair nos dias 19, 20 ou 21 de março dependendo do ano, eles elegeram um dia específico para definir a data Páscoa para facilitar a vida de todo mundo.

Fonte: MegaCurioso

COMPARTILHAR